Aedes do bem: mosquitos ajudam no combate às doenças


Mosquitos Aedes Aegypti geneticamente modificados foram liberados pela Secretaria Municipal de Saúde de Juiz de Fora, na Zona da Mata, para serem usados no combate à dengue, Zika, Chikungunya e febre amarela. O cruzamento dos mosquitos machos geneticamente modificados com as fêmeas, que são as transmissoras, faz com que as larvas morram antes mesmo de chegar à fase adulta. Os detalhes deste assunto estão na reportagem de Michele Pacheco.




Comentários