Mulher é presa suspeita de matar marido com óleo quente em Passos, no Sudoeste de Minas


Uma mulher foi presa em Passos, no Sudoeste de Minas, suspeita de matar o marido. A prisão foi neste quinta-feira (8). Nayara Aparecida Silva de Paula, de 26 anos é acusada de assassinar o companheiro, Ivan Antônio da Silva, de 37. O crime foi no dia 21 de fevereiro. Inicialmente, o caso foi tratado, como legítima defesa. Entretanto, após o laudo da perícia, a polícia descobriu que a vítima foi morta com requintes de crueldade. Segundo a Polícia Civil, a motivação do crime seria o ciúmes que a mulher tinha do marido com a irmã dela. O laudo pericial apontou que Ivan estava dormindo, quando Nayara jogou óleo quente no corpo dele e depois desferiu 20 facadas. Após o crime, ela teria alegado que havia sido agredida diversas vezes por companheiro. Nayara chegou a ficar presa por três dias, mas depois foi liberada. Nesta quinta, ela foi presa na casa de um parente, no bairro Carmelo e foi encaminhada para o presídio da cidade.

 




Comentários