Operação "infiltrados": 6 pessoas presas


Seis pessoas, entre elas, um secretário municipal, foram presas, hoje de manhã, durante a Operação Infiltrados, do Ministério Público com apoio das Polícias Civil e Militar, na cidade de Tocantins, na Zona da Mata. A ação teve como objetivo desmantelar uma organização criminosa montada para fraudar licitações do município. Além das prisões, vinte mandados de busca e apreensão foram cumpridos nas cidades de Tocantins, Guiricema, Ubá, Belo Horizonte, Congonhas e Ubatuba, no litoral de São Paulo. Segundo a investigação, faziam parte do grupo criminoso, agentes políticos e públicos, empresários e advogados. Ainda de acordo com o MP, o prejuízo aos cofres públicos está estimado em mais de um R$ 1 milhão, em razão das fraudes em licitações e contratos firmados entre as empresas investigadas e o município de Tocantins.

 




Comentários