Médico é condenado a 51 anos de prisão por estupro de pacientes | Rede Mais
Rede Mais

Médico é condenado a 51 anos de prisão por estupro de pacientes

Caso em Montes Claros, Norte de Minas.

agosto 11, 2022 57 dias atrás

Investigações começaram em 2016. Linston Wallis Figueiredo, de 54 anos, foi acusado de estupro de vulnerável e estupro mediante fraude por nove vítimas. O mandado de prisão foi cumprido pela polícia civil, na noite da última quarta-feira, em Montes Claros. A condenação foi em primeira instância e ainda cabe recurso.